Lei de Incentivo à Cultura Secretaria da Cultura

Projetos

Consulta de Projetos Culturais


CINECLUBE TORRES - Espaço de Cultura Audiovisual 2017/2018

Processo: 17/1100-0000009-0 | Data de entrada: 22/11/2016 | Situação atual: Aprovado
Produtor cultural: CINECLUBE TORRES

Área/Segmento cultural: AUDIOVISUAL: Eventos de exibição

Local de realização: TORRES


Identificação:

Este projeto tenciona expandir e articular a plurianual experiência de exibições audiovisuais do Cineclube Torres, efetuada em vários locais e contextos, num espaço próprio, resgatando assim um modelo de gestão continuada e cooperativa de um espaço para fins culturais (Espaço Cultural Paulo Prates), efetuado de Junho a Novembro 2013 em Torres/RS. A criação e manutenção em Torres de um novo Espaço de Cultura Audiovisual permitirá a execução de uma ampla programação cultural, dirigida a segmentos de público variados, garantindo uma perfeita autonomia e suprindo assim a uma carência estrutural da cidade, priva de espaços públicos adequados para exibição de audiovisual. O projeto prevê a instalação, com os equipamentos necessários para projeção audiovisual, de uma confortável sala de visualização de mídias digitais, para um público máximo de 30 pessoas, incluindo as suas despesas de funcionamento pelo prazo de um (1) ano. A inclusão do projeto numa Lei de incentivo se torna necessária e imprescindível na fase inicial no sentido de gerar aportes financeiros e de articular as necessárias dinâmicas internas, sendo que já está em ato a transformação da Associação em OSCIP de cunho cultural, que permitirá uma sustentabilidade ao seu funcionamento no futuro, em longo prazo. Na sua execução, o projeto objetiva a realização de sessões de obras audiovisuais de referência, contemplando diferentes segmentos da sociedade, promovendo debates, palestras e encontros sobre as obras apresentadas, para contribuir à reflexão e à formação do público, proporcionando à cidade de Torres, um acesso à cultura audiovisual de forma socializante, democrática e plural, para amplas faixas da população. A programação e as atividades, previstas no espaço ou executadas de forma itinerante, serão objeto de uma atenta curadoria por parte da diretoria do Cineclube Torres. Estes os principais eixos temáticos: Cineclube - Cinema Cultural: Exibição de filmes de cunho cultural e artístico, obras de cinema autoral, brasileiras e oriundas de cinematografias de vários países, propostos para um público diferenciado, não só local como de turistas e veranistas, com intuito de aumentar a competitividade da cidade como destino turístico usando aspectos culturais, uma das metas do Plano Nacional de Cultura. CineCult - Cinema Experimental/Documental/Audiovisuais artísticos: Oportunizar a divulgação de trabalhos artísticos ligados à linguagem audiovisual, nacionais e internacionais, em mostras temáticas e também a divulgação de material audiovisual independente, com dificuldade de ingresso nas tradicionais redes de distribuição cinematográfica, para promoção do necessário encontro dos autores com o público. Cineclube em Família - Cinema de qualidade para lazer e recreação: Sessões dirigidas a um público mais amplo, mas sem prescindir da valorização de aspectos artístico-cultural específicos das obras, para estimular o habito de frequentação de um espaço cinematográfico, necessário após o hiato de quase uma década do fechamento da última sala cinematográfica comercial na cidade. Cineclubinho - Sessões Infanto-juvenis: Exibição de filmes dirigidos a faixas etárias específicas, para despertar o gosto da descoberta de obras ficcionais e de animação de forma socializante e integrada numa perspectiva pedagógica. O caráter lúdico das obras e a relevância das suas mensagem poderão gerar um novo público para o audiovisual e uma nova geração de cidadãos. Cinema e Escola - O audiovisual integrado no processo pedagógico: Propor o cinema e a cultura audiovisual como elemento adicional à experiência didática nas escolas, promovendo a vivência das turmas num espaço cultural diferenciado. O objetivo é a formação do hábito da interpretação dos signos do mundo audiovisual e a ampliação da aprendizagem em modo transversal, quebrando a assimetria do processo clássico de aprendizagem. As obras a serem exibidas serão escolhidas para desenvolver competências essenciais à condição de cidadãos, trabalhando os temas e conceitos necessários através de uma dimensão cultural. Curso de Alfabetização audiovisual: Curso efetuado em contraturno escolar, pensado e direcionado para um publico específico, dos 13 anos em adiante, com o intuito de fornecer as principais informações disciplinares e operativas sobre a produção audiovisual, hoje democratizada pelas novas tecnologias digitais à disposição, em vista do seu uso no processo pedagógico na vertente de expressão artística individual. Este curso culminará em uma Mostra de Audiovisuais produzidos ao longo do projeto, aberta ao público. Cinema para Universitários e pré-universitários: Exibições de filmes e audiovisuais escolhidos a partir de conteúdos específicos, para grupos específicos, de estudantes da rede de ensino superior, em colaboração com a Universidade ULBRA, nos vários cursos de graduação e pós-graduação, com integração nas várias disciplinas. Um calendário especial de exibições, por temas e matérias, será dirigido a finalistas do segundo grau, para complementar a preparação ao ENEM e a vestibulares, com participação de palestrantes das respectivas áreas temáticas. Cinema na Praça, Cinema na Praia e Sessões Itinerantes: Promoção da cultura audiovisual, com a exibição de obras em comunidades urbanas e rurais do município de Torres, em espaços públicos (Praças ou Praias) ou locais específicos, de forma itinerante, inclusive em locais mais periféricos em relação ao centro urbano, sempre articulando as atividades com Associações de Bairro ou com outras Associações culturais ou educacionais locais. Particular relevância poderão assumir as sessões itinerantes dirigidas a públicos em condições de vulnerabilidade social, como para público de crianças e adolescentes do CRAS (Centro de Referencia da Assistência Social do município) e do centro de passagem local, em comunidades indígenas e dirigidas a reclusas da instituição do sistema prisional. Este projeto retoma um projeto (Cinema é Cultura) formulado em ocasião de uma demanda eleita para o município de Torres através do mecanismo da participação popular e cidadã da Corede-LN, em 2013, cuja verba nunca foi repassada.

  Período de realização: 22/04/2017 a 11/04/2018  
Valor aprovado: R$ 36.157,58  Vigência da captação: 11/04/2018  
   
Valor captado: R$ 0,00  
Valor liberado: R$ 0,00 Prestação de contas Relatório Físico: 07/12/2018 
Valor autorizado para execução: R$ 36.157,58 Prestação de contas Relatório Financeiro: 07/12/2018 
Consultar a Planilha de Aplicação  

Precisa de ajuda?

PRÓ-CULTURA RS - Lei de Incentivo e Fundo de Apoio á Cultura
Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul
Centro Administrativo do Estado: Av. Borges de Medeiros 1501, 10º andar - CEP 90119-900 - PORTO ALEGRE - RS Telefone: (51) 3288.7523

PROCERGS 2017
Estado do Rio Grande do Sul